Como podar as orquídeas?

24/03/2017 Flores

A orquídea está entre as flores mais bonitas do planeta. Sofisticada, delicada e cheia de personalidade, ela deixa qualquer ambiente muito mais bonito e alegre.

Não é à toa que tantas pessoas dedicam suas vidas a cuidar e colecionar esta planta. Mas, por ser tão especial, a orquídea precisa de cuidados diferenciados.

Como cuidar das orquídeas

Para florescer e se manter bela por muito mais tempo, a orquídea precisa de muita luminosidade, mas de forma indireta, jamais exposta diretamente ao sol. Afinal, quando está em seu ambiente natural, a orquídea vive em conjunto com árvores, presa em seus ramos e aproveitando a luz do sol levemente filtrada pelas folhas e galhos.

Esta flor também não gosta de calor excessivo e prefere temperaturas mais amenas, e, de preferência, deve ser mantida longe de grandes variações de temperatura. A orquídea também precisa de ventilação e deve ser regada sempre que o substrato parecer seco.

Além disso, a orquídea é uma planta que precisa de poda. Você sabe como podar uma orquídea? A seguir, confira o passo a passo completo.

Como podar orquídeas

Antes de mais nada, é preciso compreender que existem diferentes podas para a orquídea, sempre de acordo com sua espécie e seu tipo. Por isso, o ideal é que você saiba qual é a espécie da sua antes de começar o trabalho.

Aqui, você vai aprender como podar orquídea de três tipos diferentes. A primeira é chamada de poda de espiga, e deve ser feita em orquídeas do tipo Oncidium:

  1.  Aguarde todas as flores secarem e caírem naturalmente.
  1. A espiga, caule que abriga as flores, deve estar apresentando amarelamento para ser podada.
  1. Observe a espiga até encontrar um pseudobulbo, que é uma espécie de protuberância do caule, em forma oval. Geralmente, ele fica um pouco antes da formação das folhas e próximo ao solo.
  1. Agora, corte a espiga o mais rente ao pseudobulbo possível, usando uma ferramenta bem afiada. Não se preocupe se sobrarem pedacinhos da espiga na planta.

A orquídea do tipo Phalaenopsis tem uma poda diferente

Veja como podar uma orquídea desta espécie.

  1. Como sempre, aguarde até que as flores morram e sequem naturalmente.
  1. Mais uma vez, a poda indicada é a de espigas. Mas isso só poderá acontecer quando a planta estiver madura, isto é, depois de sua folhagem ter alcançado cerca de 30 centímetros.
  1. Siga a espiga e encontre um botão inativo. Esta espiga, mesmo que amarelada, tem potencial para florescer novamente, portanto corte logo abaixo deste botão.

Agora para finalizar…

Veja como podar a orquídea Cattleya:

  1. Você precisará podar a bainha que está marrom ou amarelada, indicando que não está mais saudável. A bainha é a parte que protege os botões nas orquídeas desta espécie.
  1. Agora, localize o ponto exato no qual a bainha está ligada ao caule da orquídea.
  1. Corte, com uma tesoura bem afiada, através da bainha e da espiga. De preferência, faça o corte o mais rente possível à base de folhas da orquídea.
  1. Tome muito cuidado para não cortar o pseudobulbo ou as folhas.

 

Você poderá ainda cortar folhas sempre que estiverem com aparência danificada. Basta utilizar uma tesoura bem afiada. Se a folha estiver muito danificada, basta puxar e ela se soltará sozinha da raiz.

E você sabe quais são os outros cuidados que as orquídeas pedem? Confira mais informações:

vantagens fertilizante proprio para orquideas

qual a quantidade de luz ideal para a minha orquídea