5 investimentos que valem a pena no jardim

21/06/2017 Sem categoria
o que vale a pena ter no jardim

Cuidar de plantas e jardins é um hobby que já conquista muitos adeptos hoje em dia. Só o fato de trabalhar manualmente e de estar em contato com a terra e com as plantas é o suficiente para quem vê na tarefa uma vantagem quase terapêutica.

Há quem pense que para cuidar de um jardim basta ter… Um jardim! Mas a verdade é que há uma série de ferramentas disponíveis no mercado e elas não existem à toa. Mas como saber o que vale ou não a pena ter? Com tantas opções, o que você não pode deixar de ter? Nosso post de hoje vai te ajudar a trabalhar melhor em seu jardim!

 

1) Luvas

Este primeiro item pode parecer simplista, mas é extremamente útil. Trabalhar no jardim com luvas não é uma vaidade de quem não quer sujar as mãos, mas sim uma garantia de segurança. Com as mãos protegidas, você evita possíveis acidentes e machucados, além de evitar o contato direto com a terra, sob o risco de contaminação de doenças.

 

2) Plantas das quais você não sabe cuidar

Pode parecer óbvio, mas não é raro encontrar por aí pessoas entusiasmadas com a jardinagem e que saem comprando tudo o que querem, sem a consciência necessária. E o resultado disso é sempre desastroso: dinheiro jogado fora e plantas morrendo por falta de cuidado adequado. Por isso, certifique-se de que as espécies que você quer ter no seu jardim pedem cuidados com os quais você é capaz de lidar.

 

3) Boa tesoura de jardim

Uma simples tesoura de jardinagem não é suficiente: é preciso que ela seja de boa qualidade. Isso porque, inicialmente, uma tesoura mediana pode até te fazer achar que é o suficiente, mas ao longo do tempo você verá os resultados. Além de estragar muito rápido, fazendo ser necessária uma nova, tesouras que perderam o corte podem causar danos às plantas, machucando-as durante a tentativa de poda. Por isso, invista em uma boa ferramenta; ela provavelmente durará muito tempo e valerá cada centavo.

 

4) Fertilizantes

Jardins bonitos são jardins saudáveis. E não se engane ao pensar que as plantas são autossuficientes no que tange a alimentação; nem sempre o solo é capaz de fornecer todos os nutrientes que o seu jardim precisa. Sendo assim, esse é o momento em que os fertilizantes devem entrar em ação! Utilizá-los adequadamente fará toda a diferença na saúde das suas plantas! Para isso, escolha as opções que mais se adequam às suas espécies e aos seus objetivos.

 

5) Pá

Na hora de plantar novas mudas ou dar manutenção ao seu jardim, as pás farão falta. Elas são extremamente úteis para abrir novos buracos, preparar e afofar o solo, além de facilitar o manuseio da terra. Com relação ao tamanho, varia de acordo com a sua necessidade e o tamanho do seu jardim. Quanto maior a extensão e as espécies, maior costuma ser a pá necessária.

Você já segue algumas dessas dicas? Sente falta de alguma coisa em específico no seu jardim? Deixe aqui nos comentários e compartilhe a sua experiência! Confira outros posts sobre os cuidados com o jardim!